Home > Programas > FormigaCast > FormigaCast com Jessica Jones!

FormigaCast com Jessica Jones!

Jessica Jones é uma adaptação da HQ Alias, de Brian Michael Bendis e Michael Gaydos. A turma do Formiga Elétrica conversou sobre a primeira temporada das aventuras desta anti-heroína, mais um resultado da parceria entre Marvel e Netflix, que já agradou os fãs de quadrinhos com a versão televisiva do Demolidor.

(Aliás, já ouviu o episódio sobre o Demolidor?)

Ouça, baixe, assine, comente e compartilhe! Na próxima semana tem mais!

Já leu essas?
Serie Game of Thrones em estilo anime
Game of Thrones com abertura em estilo anime!
archie goodwin
Quando Archie Goodwin e Al Williamson escreveram Blade Runner!
Copperhead, o filme da Marvel que George Romero quase dirigiu
George Romero e o filme da Marvel que não aconteceu!
conan
Os Quadrinhos Selvagens de Conan, O Bárbaro!
  • Mateus Almeida

    Colocando Formigacasts em dia (3): Uma ótima análise como sempre, rapaziada! Acho que vocês aprofundaram bem a discussão levando-a para a estrutura da série em si e não só ao significado dela, apontando vários aspectos e erros que eu não tinha notado. Duas coisas me incomodaram um pouco no cast, entretanto. Primeiro, foi a menção de que os fãs não chegam a profundidade da discussão que vocês chegam e que não realizam o tipo de análise feita. Acho que isso foi depreciativo em relação aos que, por motivo ou outro curtiram a série. Se eles acharam argumentos dentro da própria série para embasar suas opiniões, podem estar tão certos quanto qualquer análise feita. Outra coisa foi uma mensagem que pareceu um pouco contraditória com uma posição observada no cast sobre a série de Hqs do Arqueiro/Lanterna: se nesse cast vocês estavam empolgados com o fato de os quadrinhos de heróis finalmente abordarem assuntos mais sérios e pesados, no de JJ vocês dizem que uma série de super-heróis não é lugar para se procurar desenvolvimento nestes mesmos temas mais delicados. Opiniões um pouco contrastantes! Fora isso, escutar o Formigacast é sempre uma experiênca muito bacana!! Será que mesmo com o hiato previsto para o cast não rola uns especiais sobre as outras séries da Marvel? Elas precisam de análises mais aprofundadas como essa, algo que com certeza fica melhor no formato de cast do que no YT! Continuem o ótimo trabalho! O melhor site de cultura pop da net!! o/

    • E aí, Mateus? Muito obrigado pela audiência e pelos elogios. Sobre suas observações, precisamos esclarecer esses dois pontos. Não temos motivo para depreciar quem tenha simplesmente gostado da série, seja qual for o motivo, e se passamos a ideia de que queremos o monopólio da verdade, foi um descuido e pedimos desculpas. No entanto, o seu exemplo de fã que encontra argumento para embasar suas opiniões não é uma regra, infelizmente, pois o que mais vemos nas redes sociais é uma grande massa embalada no hype e repetindo mantra. Sobre isso, nos sentimos mais do que à vontade para criticar.

      Em segundo, não há contradição entre o que falamos de Jessica Jones e as Hq’s do Denny O’Neil. Achamos mesmo que uma história de super-heróis não é o melhor lugar para procurar um tema mais profundo, MAS isso não significa que um ou outro autor mais hábil não consiga faze-lo com maestria, o que faz com que a gente se entusiasme de verdade quando falamos destes casos em particular, já que são exceções em meio a milhões de histórias. Vemos muitos roteiristas insinuando seriedade em um ou outro detalhe, mas estes permanecem jogados e sem desenvolvimento. Para nós, esse é o caso de Jessica Jones.

      Não é o caso de depreciar o super-herói enquanto gênero, já que muita coisa destinada à diversão pura e simples também pode ter méritos artísticos e narrativos inquestionáveis. O problema é que hoje, não só em termos de Hq’s, parece que não basta – para muitas pessoas -gostar e se divertir, se sentindo na obrigação de inferir alguns valores discutíveis para (tentar) colocar a obra acima de qualquer suspeita.

      Sua ideia dos especiais parece interessante. Quem sabe? Agradecemos muito pelo seu interesse e pelas palavras gentis.

      Abraço!

      • Mateus Almeida

        Opa! Pontos esclarecidos! Realmente, a maioria dos fãs é a que vive afundada em hype! Tal hype é muitas vezes alimentado pela própria imprensa que cobre cultura pop, que cria, junto com o marketing de filmes, séries, hqs e games, uma espetacularização em cima de basicamente TODO o material que sai a respeito de uma obra, seja um trailer ou a foto de um dedo da luva nova do Wolverine no próximo filme solo do carcaju. Sinceramente, por isso considero o Formiga a melhor cobertura de cultura pop hoje em dia. Ao invés de aumentar o hype por aumentar, o foco de vocês sempre se encontra nas análises e discussões, sempre muito bem feitas! Obrigado pela paciência e pelas respostas com os comentários de um fã!! o/

        • Valeu, rapaz! O prazer é nosso em responder quem prestigia nosso trabalho!