Home > Quadrinhos > Notícias > Panini relança Authority!

Panini relança Authority!

Essas histórias já saíram no Brasil, mas publicadas de uma forma bem tosca. A Panini corrige agora esse erro, fazendo um favor a todos os fãs do Authority e de Warren Ellis, conforme anunciado via Wizmania:

Authority

Eles são a equipe de super-heróis mais poderosa de seu mundo. Graças a seus poderes espantosos, agem sem ligar muito para qualquer governo ou instituição da Terra, fazendo o que acreditam ser o melhor para a humanidade… custe o que custar!

Essa descrição já dá uma boa ideia do que Authority vol. 1 — até o fim de dezembro nas bancas — traz de volta ao leitor brasileiro… mas não é suficiente. Quando chegou às bancas nos EUA, em 1999, a série escrita por Warren Ellis (Transmetropolitan) e desenhada por Bryan Hitch (Os Supremos, A Era de Ultron) mudou a forma como se olhava para os quadrinhos de heróis, provocando mudanças que impactaram tanto a DC quando a Marvel na década que se seguiu.

E não à toa! Personagens como Jenny Sparks, Meia-Noite, Apolo e o Doutor, apesar de já existentes anteriormente, adquiriram em Authority um status bem diferente do que se via em quadrinhos de super-heróis nos anos 1990. Em meio a tramas adultas e ambientação grandiosa (“culpa” da arte cinematográfica de Hitch e de seu colega arte-finalista Paul Neary), os personagens voltavam ali a ser centrais na construção da história, levando o título a um grau de excelência raro em revistas mensais.

Bom, depois de tanta rasgação de seda, desnecessário dizer queAuthority vol. 1 é material obrigatório para todo fã de HQ que se preze, certo? A edição chega às bancas e comic shops com 204 páginas, capa cartão, miolo LWC e custando R$ 23,90.

Já leu essas?
Liga da Justiça HQ
5 histórias que não fazem Justiça à Liga!
o justiceiro
Quando o Justiceiro definitivamente não foi levado à sério!
liga da justiça dc
Liga da Justiça DC? Também tem da Marvel, Image, do mal, etc…
Resenha de Shenzhen: Uma Viagem à China, de Guy Delisle
Shenzhen: Uma Viagem à China – Estranho numa terra estranha!