Home > Programas > Formiga na Tela > O filme A Vilã comentado no Formiga na Tela!

O filme A Vilã comentado no Formiga na Tela!

Cinema de ação sul-coreano bem representado no filme A Vilã

Dizer que o cinema sul-coreano atingiu um grau de excelência incrível é redundância. Uma fase que vem desde o final dos anos 1990, brindando os cinéfilos com obras do porte da Trilogia da Vingança. Isso citando exemplos mais famosos, mas existe muito mais na produção cinematográfica do país. Aliás, falando em vingança, eis que fomos surpreendidos por mais um exemplar notável vindo daquelas terras, deixando os fãs do cinema de ação de boca aberta. O filme A Vilã não apenas confirma o nível sul-coreano, como foi uma das melhores obras a estrear em nossos cinemas em 2017. Até entrou em nosso vídeo de recomendações no fim do ano passado.

Raridade entre filmes com tramas movimentadas, A Vilã não subestima seu espectador. Não se trata de uma trama linear e o diretor Byung-gil Jung, em seu segundo longa de ficção, não se perde com esse roteiro. Abrindo com uma sequência absolutamente impressionante, em primeira pessoa, nossa protagonista enfrenta fisicamente e com armas de fogo uma legião de inimigos. São vários ambientes e vários níveis, dando conta da complexidade logística da cena, que dura quase oito minutos.

O filme A Vilã no Formiga na Tela

Público fisgado já nos primeiros minutos! A trama nos apresenta uma jovem cooptada por uma agência secreta. Já egressa de uma vida de violência extrema, ela ainda tem contas a acertar com esse passado, ao mesmo tempo em que precisa se ajustar à nova realidade.

Dito isso, parece que estamos diante de algo genérico, mas A Vilã não descuida da parte dramática e da construção dos personagens. São ótimas atuações e situações sutis que constroem uma estrutura sólida e profunda.Por conta de todas essas qualidades, dedicamos esse episódio do Formiga na Tela ao filme. Pode parecer um exagero, caso você não o tenha assistido. Faça-o e descobrirá que não exageramos.

Caos ainda não acompanhe nosso trabalho, inscreva-se no canal. Gostou do vídeo? Deixe um like para nós, comente e compartilhe. Quer mandar um email? O endereço está no fim da descrição. Por hoje é só e voltamos na próxima semana. Até lá!

Assista!

Já leu essas?
Crítica de Pequena Grande Vida
Pequena Grande Vida – A sustentável leveza do ser!
Vinte Mil Léguas Submarinas no Formiga na Tela
Vinte Mil Léguas Submarinas no Formiga na Tela!
Crítica de Trama Fantasma.
Trama Fantasma – O melhor e o pior de Paul Thomas Anderson!
Crítica de Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississipi
Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississipi – A segregação no pós-Guerra!