Home > Cinema > Scott Adkins em clipe do filme pouco divulgado da HQ de Pat Mills!

Scott Adkins em clipe do filme pouco divulgado da HQ de Pat Mills!

Scott Adkins em Accident Man

Pois é, caro(a) leitor(a)… tem filmes que você bola na sua cabeça e fica pensando “Por que c***lho não produzem algo assim?”. Bem, na verdade, às vezes alguém produz, só que a coisa é tão obscura que a gente nem fica sabendo, ou descobre em cima da hora, como é o caso aqui. Estamos falando de um filme adaptado de uma HQ do papa da 2000 AD, Pat Mills (Marshal Law), estrelado por ninguém menos que Scott Adkins! Se não sabe quem é o cara, sugiro que dê uma olhada neste artigo sobre o glorioso personagem Yuri Boyka.

Accident Man é uma HQ publicada nos anos 1990, na coletânea Toxic!, escrita por Mills e desenhada por Tony Skinner. A história gira em torno de Mike Fallon, um assassino profissional com a habilidade de fazer com que seus trabalhos pareçam acidentes. A morte de uma pessoa querida o fará buscar vingança, como manda o clichê. Eis aí um plot perfeito para um filme de ação frenético e descompromissado. Ainda mais com Adkins no elenco.

Veja Scott Adkins em ação no clipe de Accident Man!

 

Scott Adkins encarna personagem de Pat Mills na adaptação de Accident Man

Infelizmente, filmes como Accident Man acabam descobertos por acidente (desculpe…). Eu mesmo só soube que ele existe momentos antes de escrever isso, quando o blu-ray da produção inglesa começa a ser vendido nos EUA. Aliás, segundo o IMdb, o filme estrearia em nossos cinemas já neste fevereiro. Curioso, já que nem título em português ele tem. O jeito é esperar as Netflix da vida ou correr por fora, se é que você me entende.

De qualquer forma, esperamos que você tenha gostado do clipe, caso também tenha descoberto o filme agora. Várias brincadeiras com clichês de filmes com matadores profissionais, além de clima forte de Guy Ritchie (nos bons tempos, claro). Dirigido pelo desconhecido Jesse V. Johnson, Accident Man traz também em seu elenco Michael Jai White, Ray Stevenson e Ray Park. Compensa arriscar uma sessão, não?

Além de tudo, também dá muita vontade de descolar uma edição encadernada com a série de Pat Mills e Tony Skinner, como essa aí ao lado, lançada pela Titan Comics. Aliás, dá uma clicada na imagem que está à venda na Amazon!

Já leu essas?
Resenha de Angola Janga
Angola Janga – Um recorte inalienável da história negra brasileira!
Crítica de Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississipi
Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississipi – A segregação no pós-Guerra!
Crítica de Lady Bird: Hora de Voar
Lady Bird: A Hora De Voar – Celebração do medíocre!
Crítica de Eu Tonya
Eu, Tonya – Uma verdadeira comédia de erros!
  • Mateus Almeida

    Quando li de primeira, pensei que fosse um filme do famigerado Action Man! =P
    Mas parece aquele tipo de filme que fica entre tranqueira inacreditável e o cult/bacaninha! Vamos tentar “correr por fora” pra ver! hehehehehe

    • É o jeito. Hehehe
      Pat Mills não conseguiu levar Marshal Law (com The Rock…) às telas, mas chegou ao cinema de um jeito ou de outro.

  • Sequencia

    Eu sabia deste filme há tempos, mas eu não sou ”parâmetro” para saber sobre a divulgação deste, já que não passo de um maluco que fica acompanhando detalhadamente a carreira de atores B e C de ação/artes marciais desde os saudosos anos 90, quando vi de tudo e mais um pouco do gênero.

    Eu estou no hype danado com esse filme, e Formiga, se quiser outra sugestão que chega este ano, procure ”Triple Threat Trailler” no Youtube, trata-se de outro filme que promete muito, já que no elenco estão gente como Tony Jaa, Michael Jai White, Scott Adkins e Iko Uwais. E aí, vale a conferida ou não?

    Ah, outro filme que me veio à cabeça agora foi o ” The Debt Collector”, que também tem o Scott Adkins.

    Aliás, Accident Man, Triple Threat e Debt Collector são 3 filmes dirigidos pelo Jesse V. Johson, que já trabalhou com o ator anteriormente em ”cão selvagem” (disponível na Netflix). Digamos que seja uma parceira Clint Eastwood – Sergio Leone do século XXI HUADHUASHUDHSAUDUHASDHUADS

    • Opa, obrigado pelas dicas. Hehehe
      O Cão Selvagem já tava na lista da Netflix, mas os outros eu nem sabia mesmo. Vamos conferir o trampo deste tal de Jesse V. Johnson.