Home > Cinema > Isolados, terror nacional é mais um exemplo dos novos caminhos do cinema brasileiro?

Isolados, terror nacional é mais um exemplo dos novos caminhos do cinema brasileiro?

Parece que o cinema nacional realmente está querendo entrar para o cinema de gênero, além de comédia e drama. Talvez o que faltava era o interesse de atores reconhecidos e apostas de que pode dar certo, além de bons roteiros, é claro.

Está chegando aos cinemas em Setembro deste ano o filme de suspense/terror Isolados, que tem o ator global Bruno Gagliasso como protagonista. Além dele, José Wilker é outro destaque neste que é seu último filme. Veja o trailer que mostra uma razoável inspiração em O Iluminado, de Stanley Kubrick.

[su_youtube url=”https://www.youtube.com/watch?v=Ii0HyW3JHuE”]

O longa, que tem baixo orçamento, conta a história do psiquiatra Lauro (Gagliasso) e de sua namorada Renata (Regiane Alves), uma paciente da clínica onde Lauro trabalha. O relacionamento entre eles não anda lá essas coisas, então o casal decide alugar uma casa na serra para relaxar e renovar a relação. Aí, fatos estranhos acontecem.

Independente se Isolados será bom ou não, é interessante e promissor acompanhar as novas diretrizes do cinema nacional, O Lobo Atrás de Porta e Entre Nós são exemplos recentes de filmes que fogem da zona de conforto e trazem atores conhecidos para estes projetos de gêneros diferentes.  Essa diversificação vem tarde, mas, como nos diz aquele velho ditado, antes tarde do que nunca…

 

Já leu essas?
O DUELO – Rivalidade divertida e bem elaborada! (Estreia em 19/03)