Home > Cinema > George Romero e o filme da Marvel que não aconteceu!

George Romero e o filme da Marvel que não aconteceu!

Um filme da Marvel que Romero quase dirigiu

Perdemos o grande George Romero há pouco, responsável pelos zumbis modernos. Difícil pensar no cara sem associá-lo aos mortos-vivos, embora ele também tenha feito coisas bem diferentes (já viu nosso vídeo sobre Martin?). Falando em “coisas diferentes”, graças ao Bloody Diusgusting, descobrimos que ele esteve envolvido em um projeto bem diverso. Lá pelo meio da década de 1980, ele quase dirigiu um filme da Marvel!

Se você surpreendeu-se, saiba que nós também. Como não poderia deixar de ser, as histórias das produções que não aconteceram podem ser muito interessantes, conforme comprova a série de documentários Untold Horror. Recheado de entrevistas com grandes nomes do Terror e seus projetos abortados, um segmento dele mostra Romero falando sobre Copperhead. Opa, pera aí… Quem?

Pois é. A história é a seguinte: George Romero procurava um projeto diferente, junto com o produtor Richard Rubinstein. Inicialmente pensando em direitos sobre algum personagem de HQ, havia o problema do valor alto sobre essas propriedades. Uma ideia que surgiu naturalmente foi criar um personagem próprio. Eis que o homem forte da Marvel na época, Jim Shooter (figurinha muito comentada em Marvel Comics: A História Secreta), topou uma estratégia nova. Ele aceitou apresentar um novo personagem na editora, simultaneamente ao lançamento do filme.

Copperhead, o filme da Marvel que George Romero quase dirigiu

George Romero e Jim Shooter juntos em um filme da Marvel que não aconteceu…

Ahhh, aquela década…

Copperhead era um xerife ciborgue em um futuro não tão distante (nada mais oitentista…) na Philadelphia. Romero e Shooter escreveram um primeiro tratamento do roteiro, o que deveria render um crédito de “story by” para cada um. Bob Layton, desenhista muito lembrado por sua passagem em Homem de Ferro, ficou responsável pelas artes do filme, juntamente com Jackson “Butch” Guice. No final das contas, a Marvel daquela época não tinha poder para atrair financiamento e o diretor nunca foi exatamente um nome forte no mainstream. Isso acabou encerrando o projeto.

Copperhead, o filme da Marvel que George Romero quase dirigiu

No vídeo abaixo, um clipe de Untold Horror onde o Romero e Bob Layton contam o caso em torno de Copperhead. São detalhes muito divertidos e o desenhista se empolga: “Era um mundo pós apocalíptico… povoado por ciborgues, ninjas, cientistas loucos… o filme tinha tudo.”. Não só isso, em certo momento, o projeto é descrito pelo diretor como “Transformers encontra Robocop”. Sobre o primeiro tratamento do roteiro, Layton acrescenta:

“Em certo ponto no meio da batalha, Copperhead pega um cavalo e o joga em alguém. Foi isso que me pegou quando eu li o roteiro.”

Alguém duvida que hoje seria um cult? A sinopse parece algo que Enzo Castellari dirigiria, não? Acompanhe as novidades de Untold Horror em sua página do Facebook. Sobre produções que morreram na praia, já ouviu nosso podcast sobre filmes de super-heróis não realizados?

Já leu essas?
Prós e Contras do Streaming.
Prós e contras do Streaming no papo do FormigaCast!
Resenha de Fragmentos do Horror, da DarkSide
Fragmentos do Horror – O surreal a serviço do medo!
quadrinhos clássicos
Uma retrospectiva dos quadrinhos clássicos de 30 anos atrás!
efeitos especiais
SplaTV mostra os mestres do improviso nos efeitos especiais nacionais!