Home > Cinema > Dust é site que produz dezenas de curtas e conteúdo sci-fi!

Dust é site que produz dezenas de curtas e conteúdo sci-fi!

No Dust, espectador pode assistir curtas de sci-fi originais de boa qualidade toda semana

Como disse William S. Burroughs, “quando se corta o presente, o futuro acaba vazando“. A metáfora é clara – as sementes do futuro estão sendo plantadas agora. A função da ficção científica é justamente essa: observar onde e quais são essas sementes sendo plantadas, para que possamos saber o que delas irá florecer. É por isso que nós curtimos um bom e estimulante sci-fi. E é para manter nossa fome do gênero alimentada que o site Dust existe.

Se apresentando apenas como Dust, o site afirma ser “o primeiro multi-plataforma destinado a experimentar incríveis visões do futuro de cineastas do amanhã”. Lirismos à parte, o conteúdo do site é realmente incrível – apresentando curtas de altíssima qualidade, com bons efeitos especiais e histórias dignas do cânone da ficção científica.

Eles contemplam todo tipo de aspecto sci-fi, desde curtas mais intimistas, como Timelikeaté homenagens a clássicos do gênero, como Tears in Rain – não precisamos explicar qual é o homenageado, certo? (Blade Runner. Estamos falando de Blade Runner. Só estou explicitando para poder colocar nosso ótimo vídeo Na Tela sobre o filme aqui!) Mas não são só live actions – curtas como Bibo apresentam ótimas animações também.

dust

Cena de Tears in Rain!

Mas nem só de vídeos vive o site. Eles tem, na própria página, um ótimo blog, com materiais como making of dos curtas, mas também artigos opinativos e teóricos sobre ficção científica e cultura pop. Um prato cheio – e em várias plataformas, como YouTubeVimeo, etc.

O único ponto contra, para nós tupiniquins, é que o conteúdo é praticamente só em inglês. Praticamente todos os vídeos tem legenda, o que já ajuda um pouco na hora de entender o que está acontecendo. Muitos curtas também tem poucos diálogos, focando-se mais nos conceitos apresentados na história. Afinal, a ciência e a filosofia são linguagens universais.

Portanto, se o amigo leitor está carente de temas prescientes, questões agudas, utopias e distopias, robôs e viagens no tempo, o Dust pode te ajudar a sanar um pouco essa vontade. Nos vemos no futuro, amigo leitor!

Já leu essas?
5 cenas legais de luta em filmes que NÃO são de luta!
Crítica do filme Pela Janela!
Pela Janela – Procurando o sentido da vida!
trilha sonora
T-Bone Burnett – Uma lenda da trilha sonora!
karl edward wagner
Karl Edward Wagner – Sobre Kane, drogas, escrita e Espada & Feitiçaria!